Endividamento

Dicas: Para sair do buraco

A primeira dica é: NÃO ENTRE NO BURACO. A segunda é: APRENDA O MÁXIMO COM OS ERROS. Se você não conseguiu evitar que acontecesse algo ruim, aprenda com isso. Todo erro é uma oportunidade e, às vezes, uma necessidade de mudança. Não deixe para aprender apenas com os grandes erros. Você pode aprender mesmo com os pequenos erros, ou não! A decisão é sua. 

1. PRATIQUE A HUMILDADE

Se você caiu no buraco, aprenda e pratique a ARTE CORAJOSA DA HUMILDADE. Muitas pessoas de mais idade que a sua estarão colocando balizas para que você “não se quebre”. Fazem isso por duas razões: por amor e por experiência. Respeite os mais velhos pela sabedoria e os mais jovens pela sinceridade. Jamais esqueça de respeitar a si mesmo, mas faça isso sem arrogância, sem culpa e sem desrespeito ao outro.

2. CORTES SÃO NECESSÁRIOS

Os cortes são limites. Limites são necessários, muito embora o excesso seja atraente. Todavia, tudo o que é demais faz mal. Gastar demais, falar demais, comer demais, regime demais, rigor demais com os outros ou consigo, tudo isso faz muito mal.

3. ACREDITE QUE EXISTE AMANHÃ

Ninguém prevê o futuro e se você está lendo isso é porque alguém acredita que você terá um bom momento futuro. Acredite também. Viva bem hoje, mas não esqueça de que você poderá viver muito mais tempo do que imagina. Se você tem mais de uma década de vida, já pode escolher algumas coisas e quanto mais idade adquire mais escolhas faz. Não culpe os outros, não culpe a si mesmo, apenas aprenda os ensinamentos e se permita escolher um futuro promissor.

Este conteúdo foi útil para você?
Sim
Não
Obrigado pela resposta.

Conteúdos relacionados